*.. e porque é na noite que encontro a calma que me acalma .. a razão que me dá vida .. a força e a coragem que me fazem acordar no dia seguinte .. para mais uma vez .. esperar.. esperar com ansiedade .. o regresso do meu Raio de Luar ..*

06
Fev 09

Há quanto tempo eu nao ouvia esta palavra...

 

Hoje disseste-a... hoje foi para mim... Hoje fui eu! Querida*

 

 

Depois de tanto tempo, depois de tantas confissões e desabafos, depois de tantas lágrimas e sorrisos... Depois deTanta água ter passado neste rio.... Voltamos a cruzar-nos!

 

Desta vez, a distância não levou a melhor, muito pelo contrário, a distância apenas quebrou as Barreiras que nós haviamos construido.

 

A distância jamais apaga o valor e a dimensão de uma amizade!

Podemos estar meses sem nos falarmos, mas ambos sabemos que, quando menos esperar-mos, vamos recuperar a cumplicidade, vamos recuperar tudo aquilo que nos uniu, e tudo o que conseguimos construir... É engraçado, que quando duas pessoas se "reencontram" não pensam no tempo que passaram juntas no passado, mas sim na melhor maneira de matar a saudade e de fazer recordar os tempos futuros.

 

Esta... EU SEI... não é das amizades que se encontram ao virar da esquina. É sim, aquelas que queremos aproveitar ao máximo, vivê-la ao máximo, fortalecê-la. É aquela qu, no fundo sabemos que independentemente do tempo ou da distância jamais se esquecerá.

 

E eu sei que vamos fazer por isso...

Sei que estão para chegar momentos de alegria e diversão. Momentos sentidos e marcantes. Situações que nos vão proporcionar ainda mais sorrisos do que aqueles que já tivémos, ainda mais gargalhadas. Momentos que vamos desejar que nao terminem.

 

Tudo aquilo que passámos juntos, tudo o que vivemos tornou-nos naquilo que hoje somos um para o outro. Nada do passado vai ser repetido, apenas lembrado com carinho e com um sorriso no rosto.

 

AMIGO ESPECIAL.

Não és conhecido, conhecidos tenho imensos;

Não és simples amigo, esses tenho ainda bastantes...

Porém ESPECIAL, não existem muitos, e tu fazes parte dessa raridade.

 

 

(JP..- não ficou tão bom como o primeiro que não chegou a ser postado.... mas hão-de vir mais! Desculpa)

 

 

Ahhh..... E QUERO AQUELE ABRAÇO PROMETIDO! =d


12
Dez 08

  

 

                     Se cresceste nos anos 90...

- Ainda te lembras de quando valia a pena acordar cedo para ver desenhos animados;
- Sabes de cor a música de pelo menos 4 canções da Disney;
- Fazias aquelas coisinhas de papel para ver com quem é que te ias casar os 'quantos queres?' ;
- Cantavas as musicas das Spice Girls, mas não sabias bem o que é que estavas a dizer;
- Sabias que a Power Ranger cor de rosa e o verde ainda iam acabar juntos;
- Não perdias um episódio do Dragon Ball;
- Tiveste, pelo menos, um Tamagotchi;
- Sabias as músicas dos Onda Choc de cor 'ele é o reiii, eiii, eiii'
- Ainda és do tempo em que a Anabela cantava 'quando cai a noite na cidadeee'...
- Brincavas aos Polly Poquet!
- Ainda te lembras da coreografia da Macarena;
- Gritavas 'Olhós namorados, primos e casados!';
- Choraste quando o Mufasa morreu e, se for preciso, voltas a chorar se voltares a ver o filme outra vez;
- Tururururu Inspector Gadget Tururututu!
- Ainda te lembras de ver a tua mãe ou a tua avó a chorar a ver o 'Ponto de encontro'
- 500 escudos dava para tanta coisa!
- 'Bem-vindos ao mundo encantado dos brinquedos, onde há reis, princesas, dragões!'
- Todas as tuas decisões importantes eram feitas com um 'pim-pu-ne-ta'
- 'Velho' queria dizer qualquer pessoa acima dos 17 anos;
- Conhecias pelo menos uma pessoa que tinha daqueles ténis com luzinhas!
- Quando ias ao cabeleireiro, a tua mãe dizia-te que ficavas linda de 'poupa';
- Querias sempre um Push-pop e a tua mãe nunca te queria dar porque ficavas todo a colar!!!
- Levaste pelo menos um sermão por teres colado o teu 'pega-monstros' ao tecto da cozinha;
- Trocavas tazzos e matutolas;
- Vias o Zig-Zag, e o Buereré.
- Vias o Riscos, no canal 2, e sentias-te muito mais crescida.
- Achavas piada ao 'quarto-escuro';
- Respondias aos insultos com 'quem diz é que é!!'
- Lembras-te de ver os Simpsons e de não perceberes porque é que, sendo desenhos animados, não tinham graça nenhuma;
- Viste o Rei Leão, e os 101 dálmatas.
- Já te apercebeste que já não és uma criança, e que sabe bem recordar os momentos que já passaram....

 

Era tão bom ser criança..... =)... SAUDADE.*


05
Dez 08

 

Quero aquele abraço apertado,

O meu porto seguro,

O meu refugio.

Quero-o mais do que imaginas ser possivel.

Quero-o em formas que nao inventas,

Em formas que ninguem sabe.

Sinto falta desse abraço que nunca pedi,

Do beijo que nunca roubei,

Do carinho que nunca te dei.

Sinto falta de tudo o que nao vivi..

De palavras que nunca disse,

de gestos que nunca fiz.

Sinto falta dos teus sorrisos,

Que nunca chegaram a ser meus também.

 

Preciso que chegue a noite de lua cheia novamente,

Para olhar para o ceu

Na busca da estrela mais brilhante.

Para me orientar nesta vida inconstante..

Preciso de olhar para o ceu nessa noite,

e encontrar o refúgio nas estrelas.

Segredar à lua todos os meus sonhos secretos

Pedir-lhe conselhos neste caminhos recheado de cruzamentos..

 

Quero aquele abraço.. preciso desse abraço!

Desse meu porto seguro!

publicado por Patti às 14:38
A Lua está...*: esperando por ela...
Ao som de...*: Linkin Park- Shadows of the day

06
Out 08

E O SOL VOLTOU A BRILHAR...

 

 

Como diz a menina do "Olhar de Aquariana":

Se me amas INSISTE.. se é um jogo DESISTE!

 

publicado por Patti às 18:29
A Lua está...*: maybe.... =)
Ao som de...*: Fedo Mora vs Camurri- After the Rain

02
Out 08

 

______________________________________________________

Tou com saudade de vocę
Debaixo do meu cobertor
De te arrancar suspiros
Fazer amor.
Tou com saudade de vocę
Na varanda em noite quente
E do arrepio frio que dá na gente
Truque do desejo,
Guardo na boca o gosto do beijo
Eu sinto falta de vocę
Me sinto só

E aí, será que vocę volta,
Tudo à minha volta
É triste.
E aí, o amor pode acontecer,
De novo pra vocę,
Palpite
.
Tou com saudade de vocę,
Do nosso banho de chuva,
Do calor na minha pele
Da língua tua.
Tou com saudade de vocę
Censurando o meu vestido,
Das juras de amor ao pé do ouvido,
Truque do desejo,
Guardo na boca o gosto do beijo.
Eu sinto a falta de vocę,
Me sinto só
E aí, será que vocę volta,
Tudo à minha volta,
É triste.
E aí, o amor pode acontecer,
De novo pra vocę,
Palpite.
Eu sinto a falta de vocę,
Me sinto só
E aí, será que vocę volta,
Tudo à minha volta,
É triste.
E aí, o amor pode acontecer,
De novo pra vocę,
Palpite.

E aí, será que vocę volta,
Tudo à minha volta,
É triste.
E aí, o amor pode acontecer,
De novo pra vocę,
Palpite.

_________________________________________________________

 

 

publicado por Patti às 01:27
A Lua está...*:
Ao som de...*: Vanessa Rangel- Palpite

Setembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
14
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


subscrever feeds
Sobre este Raio de Luar*
blogs SAPO