*.. e porque é na noite que encontro a calma que me acalma .. a razão que me dá vida .. a força e a coragem que me fazem acordar no dia seguinte .. para mais uma vez .. esperar.. esperar com ansiedade .. o regresso do meu Raio de Luar ..*

Ao Luar de...*

Breath Me - Sia
07
Out 08

 

Se algum dia olhaste nos meus olhos,

Não foi entrega o que neles viste.

São tantas lembranças e tantas hipóteses,

Mas não as memórias que a nós importariam

Faltou coração, aquele que calamos 

E não permitimos sentir.

Se um dia me tivesses perguntado,

Não te teria dito que era paixão o que sentia

Tinha medo e por isso calaria o espírito,

Apenas se tu me tivesses amado

Talvez assim te amaria de volta.

Nosso amor foi puramente platónico

És idealista e sou romântica, 

E essa sempre foi a nossa tendência.

Concordemos: quando se trata de amor,

Que sentido tem se uma das partes não sofre em silêncio?

Se houvesse resposta,

Devolveria as tuas últimas palavras, 

A mensagem que bem construíste.

Entrego-te porém o vazio,

Porque neste momento, as tuas palavras fogem-me

Pois como haveria eu de as ter, se nunca me foram ditas...

publicado por Patti às 22:20
A Lua está...*: triste... mas a olhar em frent

Setembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
14
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


*Ainda quentinhos.*

Continuar.. sem ti*

Sobre este Raio de Luar*
*.Horas de Luar.*
*.Raios que passaram pela Lua.*
casino online
casino on line
blogs SAPO